top of page
  • Foto do escritorDanae Bianco

O que fazer em Cartagena - Colômbia

Atualizado: 1 de dez. de 2023

Cartagena era a parada mais esperada (ao menos para mim) em nossa viagem à Colômbia. Uma cidade linda, cheia de história, arte e cultura, comida deliciosa, café e drinks ao entardecer, sem falar das praias paradisíacas de água azul e areia branca ao virar da esquina. Mas... sera que minhas altas expectativas foram atendidas?


Vem comigo que te conto o que há de melhor para fazer em Cartagena, onde se hospedar, como se locomover pela região e aproveitar as praias do Caribe colombiano


two girls walking a street in old colonial Spanish town Cartagena
ruela lateral da Iglesia de Santo Domingo

 

OUTROS POSTS SOBRE A COLÔMBIA

 

Como chegar em Cartagena de Indias, Colômbia


Estávamos em Bogotá, de onde você pode ir de avião ou ônibus para Cartagena. Como são mais de 21 horas de ônibus, fomos de avião com a VivaAir (que pouco tempo depois faliu!), uma companhia aérea de baixo custo. Tudo correu bem no voo, que durou cerca de 1h30.


O aeroporto de Cartagena não fica longe da cidade, chegando lá pegamos um táxi - não foi o taxista mais simpático do mundo, mas deu tudo certo.


A principal companhia aérea colombiana é a Avianca, que liga Bogotá a todas as principais cidades da América do Sul e Central e aos principais hubs nos EUA e na Europa. Voamos de São Paulo para Bogotá com a Avianca, em voo direto, e tudo correu bem.


people watching sunset at the walls of Cartagena Old Town Ciudad Amurallada
Por-do-sol nas muralhas da Old Town - Ciudad Amurallada

Onde ficar em Cartagena, Colômbia


Cartagena foi uma das paradas na viagem que fizemos em janeiro à Colômbia, que também incluiu Bogotá (post completo aqui) e Parque Nacional de Tayrona (post aqui).


Optamos, em Cartagena, por nos hospedar em um Airbnb - como nos outros destinos dessa viagem ficaríamos em hotéis, esse foi o local em que optamos por uma casa para (1) ter mais espaço e privacidade e (2) lavar as roupas, pois assim conseguimos viajar somente com malas de mão (se você nos segue há algum tempo, já sabe que somos obcecados por viajar light).


(1) Plaza Santo Domingo; (2) Porta lateral da Iglesia de Santa Catalina de Alejandría, na Plaza de la Proclamación; (3) ruela na lateral de nosso Airbnb


Ficamos no centro histórico, em um apartamento muito gostoso no Edificio Santo Domingo, no tamanho certo para nossa família de 4 pessoas (2 dormitórios, 2 banheiros, sala e cozinha integrada com a sala, além de uma pequena varanda - confira aqui o link), que ficava bem próximo às muralhas da cidade, em frente do acesso ao famoso Cafe del Mar.


A localização foi perfeita: bastava caminhar uma quadra para chegar na área animada do centro histórico, com diversos restaurantes, cafés, lojinhas, tudo ali muito perto. Ao mesmo tempo, como o apartamento era voltado para o pátio interno do edifício de 3 andares, era absolutamente silencioso, apesar da vista da pequena varanda não ter nenhum atrativo especial.


Na região tem diversos hotéis, como o Hotel Aguamarina Boutique - com uma piscina linda no rooftop - e o Amarla Boutique Hotel Cartagena, também com uma piscina que convida para um relax no fim da tarde.


Agora se você é como nós e prefere pegar um apartamento de vez em quando, tem também opções no booking: esse aqui parece ser no edifício ao lado do que ficamos, no andar superior com direito a roof-top, e este aqui também, fica a seu cargo escolher qual prefere ;-)


Como se locomover em Cartagena


Se você se hospedar na Ciudad Amurallada (centro histórico), dá para fazer tudo a pé. O centrinho é bem pequeno, e o outro bairro histórico - Getsemani (que também tem muitas opções de hospedagem, restaurantes e bares), também é bem pertinho.


Exceto ir para as praias (conto mais adiante), fizemos tudo a pé, e olhe que andamos muito, de baixo de sol impiedoso e com calor acima de 30ºC o tempo todo.


cenas de Cartagena - Ciudad Amurallada


O que fazer em Cartagena, Colômbia


Aviso aos navegantes: apesar de Cartagena ficar a beira do Caribe, não há praias na cidade. O mar ali é forte e só em alguns lugares há uma minúscula faixa de areia, a qual, quando passamos por lá de carro (na ida e volta do aeroporto) estava absolutamente tomada por cadeiras, guarda-sóis e pessoas, sem falar que a água não parecia nem um pouco bonita, muito longe daquela imagem idílica que temos de Caribe.


Se você quer aquele Caribe dos sonhos, tem que ir para as praias e ilhas mais distantes - ali adiante falo sobre isso.


(1) e (2) pelas ruas da Ciudad Amurallada; (3) nos muros da Ciudad Amurallada; (4) pelas ruas de Getsemani



Cidade Antiga - Ciudad Amurallada


A área histórica de Cartagena é absolutamente linda. Linda mesmo, uma das cidades históricas coloniais mais lindas que já vi. Até brinquei tentando compará-la a Paraty, mas sinto informar aos ufanistas nacionais que Cartagena dá de dez em Paraty (na minha opinião, é claro).


Cartagena foi fundada em 1533 e durante séculos foi um dos mais (se não o mais) importante porto da região, responsável pelo escoamento da prata, ouro e outros metais explorados na região do Peru/Bolívia e pelo recebimento das mercadorias vindas da Europa e de africanos escravizados. Funcionou, por muito tempo, como a sede do governo das colônias espanholas na América.


Simplesmente aproveite andar e se perder pelas ruelas do centro histórico, composto pelos bairros de El Centro e San Diego e inclua também um passeio pelo bairro vizinho, Getsemani.


Pare em todos os cafés que tiver vontade (e olha que, se gostas de café, vontade é o que não faltará), deixe as crianças tomarem todos os sorvetes que quiserem (afinal, estarão de férias, não?), conheça as diversas igrejas e monumentos históricos espalhados pela região e conforme a tarde for caindo e a noite chegando, aproveite o por-do-sol com um drink nos bares, uns mais legais que os outros. O Cafe del Mar é um dos mais badalados, fica em cima da muralha da cidade, e a vista do por-do-sol lá é sensacional, mas a lotação e as filas são correspondentemente enormes. Dá para aproveitar a vista das muralhas ali na região, o acesso é super fácil e é grátis.




Para o passeio não ficar tão monótono para as crianças (pois chega uma hora que nem sorvete dá conta de animar a criançada a andar por ruelas históricas sob um sol de 40ºC), inventei um desafio que se mostrou uma das principais lembranças que todos temos dessa viagem: a procura da porta mais bonita da cidade.


As portas das casas na área histórica de Cartagena são lindíssimas, então íamos circulando pelas ruas e tirando fotos em frente a todas as portas que achávamos bonitas. No fim do dia, cada um de nós escolheu a porta que mais gostou, e mandamos as fotos para o restante da família, para uma votação: aquela que tivesse mais votos da família seria a vencedora, e aquele de nós que a tinha escolhido e "ditaria as regras" do dia seguinte. Nem me lembro, agora, qual foi a porta que eu escolhi, ou qual foi a vencedora, ou quem venceu o jogo, só lembro que foi divertidíssimo e rendeu fotos lindas - tem um reels muito legal sobre essa brincadeira na minha conta do Instagram, dá uma olhada!


(1) rua em frente ao Palácio de la Inquisición; (2) artefato usado na época da inquisição espanhola nas Américas; (3) vista da Iglesia de Santa Catalina de Alejandría do Palácio de la Inquisición



Palácio de la Inquisición e Museo del Oro


Dentre as atrações da Cidade Antiga, fomos e recomendo o Palácio de la Inquisición. O que parece uma linda casal colonial, no passado abrigou a aterradora inquisição, cujo objetivo era eliminar a heresida da cidade, queimar bruxas e tudo o mais. Além de mostrar artefatos e histórias sobre a inquisição na América Espanhola, o museu também abriga arte pre-colombiana e uma mostra muito interessante sobre a história de Cartagena e seu protagonismo como porto e fortaleza ao longo dos séculos.


Há o Museo del Oro Zenú, do lado oposto da mesma praça do Palácio de la Inquisición, mas como já havíamos visitado o Museo de Oro de Bogotá, achamos por bem deixar esse para nossa próxima visita à Cartagena. Se você não foi no do Bogotá (ou mesmo se tenha ido), as referências que tivemos foi que esse museu é fascinante e vale a pena a visita.


San Felipe de Barajas Fortress in Cartagena de Indias Colombia
Castillo de San Felipe de Barajas

Castillo de San Felipe de Barajas


Outro passeio imperdível por lá é o Castillo de San Felipe de Barajas - a maior fortaleza já construída pelos espanhóis em qualquer de suas colônias. Está localizado em uma colina chamada San Lázaro e foi construído em 1657 durante a era colonial espanhola.


Em 1984, a UNESCO incluiu o Centro Histórico da cidade de Cartagena, todas as suas fortificações e o castelo de San Felipe de Barajas na lista de Patrimônios da Humanidade.


O dia que estivémos lá o calor era infernal, o sol escaldante, então já viu, né? Crianças e 50% dos adultos reclamando loucamente, mas nada que nos tenha impedido de subir até o topo, caminhar pelas muralhas, nos perder pelos corredores e túneis labirínticos, aprender um pouco mais sobre a colonização espanhola na região e apreciar a vista da cidade.



Castillo de San Felipe de Barajas Cartagena Colombia

Castillo de San Felipe de Barajas



Ao redor de Cartagena - day-trips


Aquele Caribe com o qual você sempre sonhou, com praias de mar azul turquesa, areia branquinha e muita sombra e água fresca está ali, a um curto trajeto de barco, ou de carro, de Cartagena.


mar azul no trajeto de barco até as Islas del Rosario Cartagena Colombia
no trajeto de barco até as Islas del Rosario

As praias mais conhecidas e de mais fácil acesso são as das Islas del Rosario, um arquipélago a cerca de 35km a sudoeste da cidade. É fácil pegar um passeio de barco que sai de Cartagena para lá.


Fizemos sim esse passeio, mas acabamos optando por um que vai por terra. Uma van nos buscou no Airbnb as 6 da manhã e fomos até a Playa Blanca, uma praia no continente bem próxima a essas ilhas. Chegando lá, pegamos um barco para as ilhas. Fomos na Isla de San Martin de Pjarales, onde há um aquário - Oceanario de Las Islas del Rosario.



"Mais um aquário" você pode pensar, mas este é diferente pois os peixes são mantidos em piscinas diretamente no mar; você os vê de cima, em passarelas por entre tais piscinas. Os guias são muito simpáticos, explicam sobre as atividades de resgate de animais e preservação que o Aquário promove, contam histórias e interagem com os peixes (incluindo tubarões), é interessante e bem divertido. No fim, há um show de golfinhos, algo que hoje em dia acho um tanto quanto questionável, mas as crianças adoraram.


A Playa Blanca faz jus ao nome: a areia é realmente branca e a água realmente azul turquesa. Mas - e aqui vou ser muito sincera - a atratividade do local para por aí.


A faixa de areia (ao menos quando estivemos lá) é muito curta e competamente dominada por cadeiras e guarda-sóis dos bares que ocupam cada centímetro da orla. Não há espaço livre. É difícil caminhar, na maioria dos trechos você tem que andar pela água pois não há onde pisar na areia. E muito lixo, muito mesmo, lixo no estacionamento, no acesso à praia, na praia, nos restaurantes, em todo lugar. E muita gente. Gente por todos os lados. Som alto, cada bar/restaurante/grupo com sua caixa de som competindo com a caixa de som ao lado. Para ser sincera, achei infernal.



two girls on a beach club in Playa Blanca Cartagena Colombia
bar na Playa Blanca (nessa hora até que estava vazio, mas depois lotou)

Não voltaria para essas praias, tanto que no dia seguinte não fizemos o passeio que haviamos reservado para as praias e optamos por ficar na cidade.


As fotos que estão aqui são do momento em que chegamos em Playa Blanca, antes das 8 da manhã e, portanto, antes da horda de pessoas aparecer por lá. Não tirei fotos depois pois prefiro ficar com essa imagem paradisíaca do lugar - com o tempo, espero que sejam somente essas imagens lindas e a memória das risadas que demos e das brincadeiras que fizemos na água (deliciosa, por sinal) que restem na minha memória.


girl in front of a beautiful beach, turquoise calm water in Playa Blanca, Cartagena Colombia
Playa Blanca as 8am

Mas, respondendo à pergunta inicial, minhas altas expectativas foram atendidas, e com folga.


Cartagena é um destino único e maravilhoso, que vale muito a pena ser visitado.

Só de escrever este post bate aquela saudade dos passeios pela Ciudad Amurallada, suas vielas, cafés e lojinhas, e uma vontade voltar para aprender ainda mais sobre a história que pulsa em cada canto da cidade.



DEPOIS DE TODO ESSE MONTE DE DICAS, aqui está nosso link para o BOOKING.COM - fazendo suas reservas por esse link para este e os outros destinos da sua viagem você não gasta um centavo a mais e nos ajuda a manter esse site no ar! Clica e boas viagens!!



AGORA SALVA ESSE PIN NA SUA CONTA DO PINTEREST, para você ter esse post sempre fácil de encontar!

Tudo o que você precisa para aproveitar ao máximo Cartagena de Indias, Colômbia

DEPOIS DE TODO ESSE MONTE DE DICAS, aqui está nosso link para o BOOKING.COM - fazendo suas reservas por esse link para este e os outros destinos da sua viagem você não gasta um centavo a mais e nos ajuda a manter esse site no ar! Clica e boas viagens!!


Kommentare

Mit 0 von 5 Sternen bewertet.
Noch keine Ratings

Rating hinzufügen
bottom of page